Salvar Senhas no Google Chrome é Seguro? Conheça os Riscos

Este artigo foi criado pela equipe Bitdefender para uso exclusivo do blog Dicas da Net.

Para acessar cada serviço ou conta que usamos on-line, precisamos de uma senha, certo? Internet banking, redes sociais, e-mail e sites de compras são alguns exemplos, só para começar. Mas, o que fazer para memorizar todas essas senhas?

O Google Chrome oferece o recurso de armazenamento de senhas que é muito popular entre os usuários, mas será que guardar esse tipo de informação no navegador é realmente seguro?

Quer entender quais são os riscos? Neste post falaremos sobre como este mecanismo funciona e se salvar senhas no navegador pode comprometer a segurança dos seus dados. Continue lendo!


Como é Feito o Armazenamento?

Quando você insere uma nova senha em um site, o Google Chrome oferece uma opção para guardar essa informação. Caso você clique na opção “salvar”, sempre que entrar neste mesmo site, o navegador completará automaticamente os campos de login e senha. 

Você pode ativar ou desativar essa função a qualquer momento. Basta seguir esses passos:

  1.     Abra o Google Chrome;
  2.     Clique em “Configurações” no canto superior direito;
  3.     Clique em “Senhas”;
  4.     Clique em ativar ou desativar a opção “Oferecer para salvar senhas”.


Como as Senhas são Salvas e Sincronizadas?

O Google Chrome salva as senhas de acordo com a sua escolha: quando você opta por aceitar, o navegador armazena as informações em um banco de dados próprio. 

Caso a sincronização no Chrome esteja ativa, as senhas são salvas diretamente na sua conta do Google e disponibilizadas em todos os dispositivos que estejam logados nesta mesma conta (tablet, smartphone, computador, etc). 

Para ver, exportar ou excluir esses dados, siga os passos a seguir:

  1.     Abra o Google Chrome;
  2.     Clique em “Configurações”;
  3.     Vá até a opção “Senhas”;

    Aparecerá uma lista com todos os logins e senhas salvos no navegador. Você poderá gerenciar, mover ou excluir esses dados.


Quais são os Riscos e como Proteger meus Dados?

Mesmo que o Chrome salve os dados com criptografia, ainda assim é possível que hackers e cibercriminosos tenham acesso à essas informações, utilizando malwares que podem descriptografar as senhas e transformá-las em textos simples, prontas para serem roubadas.

Uma solução eficaz é manter sempre o melhor antivírus Windows instalado e atualizado em seu computador, diminuindo assim os riscos de ter suas senhas e outros dados captados através de malwares, trojans e outras ameaças on-line.


Como você faz para proteger suas senhas salvas no navegador? Compartilhe conosco nos comentários!


Imagens: Unsplash (Nathana Rebouças) | Unsplash (Benjamin Dada).

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Como recolocar uma película de Smartphone/Tablet sem deixar resíduos

Como controlar as músicas do Spotify com a Mi Band 2/3

Como transformar o cartão SD em memória interna

Como corrigir o problema da biometria no Samsung Galaxy A30 e derivados

Como controlar a câmera com a MiBand 3/4

Como instalar aplicativos incompatíveis no iPhone 4, 5, iPad 3 e similares