Como melhorar a conexão Wi-Fi



Olá pessoal! Tudo bem?

Muitas pessoas já sofreram problemas de estabilidade da conexão Wi-Fi, seja em casa, no escritório ou mesmo em algum local público, por exemplo, não é mesmo? Pois bem... De modo geral, estes problemas ocorrem por causa de diversos fatores (posicionamento do(s) ponto(s) de acesso(s), concorrência entre canais de radiofrequência, faixa de frequência da banda base, entre outros). Todos esses fatores estão associados a algum tipo de interferência na rede. A cada ano que passa o acesso à Internet torna-se vez mais rápido e acessível à população, consequentemente temos um aumento considerável na quantidade de pontos de acesso das famosas redes privadas, ou PAN (Personal Area Network) e redes locais WLAN (Wireless Local Area Network). Esse problema torna-se mais evidente quando falamos de ambientes de alta densidade, como condomínios, edifícios residenciais/comerciais, Shopping Centers entre outros locais.

Nesta postagem eu gostaria de deixar algumas dicas que auxiliarão para a melhoria da qualidade da conexão Wi-Fi.


IMPORTANTE

Vale lembrar que para realizar todas essas alterações de rede a seguir, é preciso ter acesso ao painel de controle do roteador, portanto é necessário ter em mãos o endereço IP do equipamento e o usuário/senha de administrador.

Evite os canais mais utilizados

Quando estamos em um local onde existem dezenas ou mesmo centenas de pontos de acesso próximos a nós, é comum observarmos uma grande quantidade de roteadores utilizando o mesmo canal físico. Felizmente, é possível analisar as redes ao nosso alcance com um aplicativo de análise para Android. Existem muitas opções de apps na loja e um deles você pode encontrar aqui.


Na imagem acima, podemos observar que existe uma grande concorrência entre os canais 1, 11 e seus adjacentes. Isso normalmente ocorre porque existem três canais que são populares, 1, 6 e 11, pois eles não sobrepõem uns aos outros. Nesse caso, o melhor canal para selecionar no roteador seriam os canais 7 e 8 por sofrerem menos sobreposições. Caso o local onde você está possui todos os canais altamente concorridos, talvez seja melhor alterar a frequência de banda base, que é a próxima dica deste post.

Altere a frequência de banda do roteador

Caso a primeira dica não melhore a situação, uma alternativa seria alterar a frequência de banda base. Existem diversos aparelhos que operam na mesma faixa de frequência de 2.4 Ghz como o microondas, os telefones sem fio, câmeras digitais, Smart TV entre outros, causando interferência na rede Wi-Fi e até em alguns casos impedindo seu funcionamento. Ao selecionarmos a faixa de frequência para 5 Ghz, reduziremos as possíveis interferências externas, principalmente dos dispositivos não Wi-Fi mencionados. Mas é importante frisar que esta alternativa funcionará somente se seus dispositivos (incluindo seu roteador) suportarem a frequência de 5 Ghz, também conhecidas como dispositivos de banda dupla ou dual band.



Posicione o roteador no melhor local possível

Em alguns casos, uma parede ou um local inadequado podem ser capazes de comprometer completamente a propagação da rede, portanto é muito importante definir o melhor local possível. Evite posicionar o roteador próximo a microondas, telefones sem fio ou outros elementos, como uma parede muito espessa. Existe uma aplicação para Android que calcula o melhor local possível tomando como base a planta de um imóvel. Você pode encontrar mais informações aqui.


Use o bom senso

Apesar de ser um problema muito comum, principalmente nos grandes centros urbanos, seria possível resolver este problema através do bom senso entre os moradores. Se as pessoas definissem entre elas canais específicos (por exemplo, um grupo de moradores x utilizam o canal 1, enquanto que outro o canal 6 e assim por diante) seria possível estabelecer uma área de pontos de acesso com baixa interferência. Outra solução possível seria se todos reduzissem a potência de transmissão do sinal a um valor suficiente para cobrir apenas o local desejado, limitando-se apenas ao ambiente interno. Com isso, evitaríamos a interferência entre vizinhos. 

E se nenhuma alternativa acima resolver?

Bem... Se mesmo a combinação das alternativas acima não melhorar a potência do sinal, existem outras formas não convencionais de minimizar este problema. Uma delas que encontrei há algum tempo, que pode parecer um tanto hilária - e é! - é através do uso de uma forma de bolo retangular ou algo similar. Esta dica foi elaborada por Peter Cochrane e consiste em posicionar uma forma de metal de modo a envolver o local onde se encontra a antena Wi-Fi. Segundo o autor, com isso seria possível aumentar o sinal em até duas barras, dependendo do tipo de forma e das condições locais.



Fonte: Elaborada pelo autor.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Como controlar as músicas do Spotify com a Mi Band 2/3

Como corrigir problemas de conexão Wi-fi no Manjaro Linux ou Fedora

Como controlar a câmera com a MiBand 3/4