Dishonored é um bom jogo? - Dicas da Net

Dicas da Net

Tudo sobre o Mundo da Tecnologia.

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Dishonored é um bom jogo?

Será que Dishonored é um bom jogo?

game dishonored

Para os amantes de Games FPS vai a dica do jogo Dishonored é uma das pedidas para jogadores que gostam de jogos diversificados. A cidade de Dunwall está dominada por uma misteriosa peste e só não é mais sombria que seus próprios habitantes. É neste ambiente que Corvo Attano, protetor da Imperatriz, deve provar sua inocência após ser injustamente condenado por um assassinato.

Jogo desenvolvido pela Arkane Studios, Dishonored conta com um enredo obscuro, que trata principalmente de como as pessoas reagem em momentos de desespero e à face de um grande poder.

O modo do jogo aposta na liberdade e oportunidade de escolhas, oferecidas ao jogador ao longo de toda a história, modelando as reações de outros personagens, bem como o ambiente e os inimigos, de acordo com suas ações anteriores. Esse tipo de sistema não é novo, e nem sequer pouco conhecido pelo público, mas Dishonored explora muito bem a ideia. O jogo passa a impressão genuína de controle sobre o que pode ou não ocorrer de acordo com suas decisões, e não “empurra” uma conclusão em um evento chave (consequentemente ignorando suas escolhas realizadas) como tem ocorrido com outros títulos que tentam usar o mesmo princípio.

Durante as missões, o jogador pode escolher como lidar com o grande número de inimigos, podendo realizar uma rota pacífica, apenas desacordando os adversários, ou assumindo uma condição mais agressiva e assassinando os alvos - e cada caminho terá sua consequência. Não matar ninguém requer que o jogador seja mais prudente e chame o mínimo de atenção possível. Em contrapartida, ao assassinar diversas pessoas, a reação dos personagens muda, o número de inimigos aumenta em fases mais avançadas e o final se torna mais obscuro.

Para todos os modos do game, o jogador conta com uma pequeno arsenal de armas únicas (que podem ser melhoradas ao se encontrar alguns itens especiais pelos cenários) e poderes especiais (10 no total, sendo 4 habilidades passivas) que permitem desde parar o tempo até possuir outros seres.

Jogo de 1 pessoa dishonored

Evolução e jogabilidade dentro de Dishonored

A evolução do personagem se dá de forma progressiva e depende do esforço do próprio jogador, mas não é absolutamente necessária para o andamento da história. Para melhorar ou adquirir novas habilidades, é necessário que se use “runes” como um tipo de moeda para a compra das melhorias. Esse item pode ser encontrado em diversos cenários e também pode ser recompensa por missões extras. Também existem os “bone charms”, que dão certos bônus ao personagem, tais como ser mais silencioso ou recuperar mais vida ao se alimentar.

Todos esses elementos se integram muito bem, criando uma excelente jogabilidade. Os movimentos, tanto do jogador como dos personagens, são bem fluidos e realistas, desde a forma como caminham até o posicionamento para se disparar uma arma de fogo. Com toda essa mecânica, é possível liberar a criatividade em diversas situações, conferindo astúcia às habilidades de Corvo, o que permite, por exemplo, colocar uma armadilha em um rato para que ele sirva de bomba guiada ou até parar o tempo antes de receber um tiro e trocar de lugar com o agressor. Ainda é preciso tomar cuidado com o barulho, caso não se queira chamar a atenção, mas o mesmo pode ser usado para atrair guardas para alguma região, facilitando a sua eliminação ou abrindo um caminho protegido.

Um mundo a explorar dentro do Game

O ambiente deste jogo de Dishonored é incrivelmente memorável. Mesmo não possuindo cenários extremamente realistas, o jogo aposta em texturas mais suaves, grande exploração de contrastes e efeitos de luz muito bem planejados, deixando a impressão de que cada fase é uma animação muito bem produzida. Todos os cenários possuem um grande terreno altamente explorável e os caminhos possíveis para acessar uma área são diversos, permitindo que o jogador formule estratégias e sinta maior liberdade andando em um mundo com um trajeto não linear. Cada fase conta também com algumas missões extras, que apesar de não influenciarem diretamente a história, dão recompensas, além de serem contabilizadas nas informações gerais ao terminar um nível. No entanto, a quantidade de missões secundárias é escassa, o que faz com que a história principal seja a verdadeira fonte de entretenimento.

dishonored fps

História e expectativas

Dishonored se destaca pelas escolhas que o jogador deve fazer por todo o jogo e pela excelente jogabilidade. Todavia, a história foi evidentemente uma das maiores preocupações - até certo ponto. Apesar de seguir um padrão já considerado por muitos como clichê, o título aposta em uma fórmula que tem feito muito sucesso há um bom tempo: um enredo obscuro num cenário "steampunk” envolvendo governos decadentes e habitantes insanos ou condenados. Adicione também fortes motivos de vingança e reviravoltas em pontos-chave do enredo - nesse aspecto, a similaridade com o jogo Bioshock é dificilmente não notada.

Ainda assim, mesmo com um final que muitos podem considerar simplista, Dishonored é o tipo de título no qual o que realmente conta “é a viagem e não o destino”. Com uma trilha sonora invejável e vozes que realmente dão vida e realismo aos personagens, este é um jogo que cumpre todas as suas promessas, podendo satisfazer até jogadores mais críticos do gênero.

Então respondendo a pergunta se Deshonored é um bom jogo?

Sim é uma boa pedida, pois história boa, jogabilidade boa e claro para os que adoram fps os graficos não deixam a desejar.

Veja aqui a nova listas de jogos que vazaram na internet da GameLoft

Lançamentos da Gameloft para 2013

fonte: Infoabril

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tire suas dúvidas, deixe um comentário!